Saúde

Conheça os 10 principais benefícios de consumir cacau no dia a dia

31 mar 2024 - 12:00

Redação Em Dia ES

Share
É importante conhecer os benefícios do cacau, como, quando e qual o melhor chocolate comer, para usufruir da melhor maneira os nutrientes e gorduras encontradas nele
Conheça os 10 principais benefícios de consumir o cacau no dia a dia. Foto: hiphoto40/Getty Images

Nesta semana de Páscoa (31), também é comemorado o Dia do Cacau, a principal matéria-prima para a fabricação do chocolate.

A produção brasileira de cacau está concentrada nos estados do Pará e da Bahia. De acordo com a pesquisa Produção Agrícola Municipal 2020, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil possui uma área plantada de 590 mil hectares e produção anual de 270 mil toneladas, sendo o Pará responsável por 53,6% e a Bahia por 39,9%.

Chocolate é delicioso, faz bem e todo mundo adora. Por isso, também é importante conhecer os benefícios desse alimento, como, quando e qual o melhor chocolate comer, para usufruir da melhor maneira os nutrientes e gorduras encontradas nele.

A forma mais comum de consumir cacau é através do chocolate, mas é necessário ficar atento à concentração de cacau, que pode variar de chocolate para chocolate. Quanto maior a concentração de cacau, como é o caso do chocolate amargo e meio amargo, maiores são os benefícios para a saúde.

Segundo a nutricionista Fernanda Larralde, especializada em Nutrição Esportiva, Saúde da Mulher e Fitoterapia, o consumo regular de cacau pode proporcionar muitos benefícios à saúde, ajudando a melhorar o humor, a circulação sanguínea, a regular o açúcar no sangue e a proteger o coração graças às suas propriedades anti-inflamatórias e antioxidantes.

“O cacau possui um alto teor de flavonoides, principalmente epicatequinas e catequinas, compostos com propriedades antioxidantes. O ideal é consumir o chocolate em uma proporção adequada para obter os benefícios, que seria 2 colheres de chá de cacau em pó por dia ou 40g de chocolate amargo, o que equivale a cerca de 3 quadrados,” acrescenta Fernanda.

O cacau em pó, assim como o chocolate em sua variedade amarga, meio amarga, ao leite, branco e outras denominações, são encontrados facilmente em lojas de produtos naturais, como a Bio Mundo.

Hoje a rede possui o portfólio mais completo para proporcionar saúde e bem-estar com um mix de itens, incluindo produtos diet, light, integrais, veganos, funcionais, sem glúten, sem lactose e suplementos vitamínicos e esportivos. Somente o granel das unidades soma mais de 300 produtos, onde é possível encontrar o cacau em pó e comprar a quantidade desejada.

O consumo de 100g de cacau em pó contém 365,1 kcal, 21 gramas de proteína, 18 gramas de carboidrato, 23,24 gramas de gordura, 33 gramas de fibras, 75 mcg de vitamina B1, 395 mg de magnésio, 2057 mg de teobromina, 6,8 mg de zinco, 92 mg de cálcio, 2,7 mg de ferro, 59 mg de sódio, 455 mg de fósforo, 1100 mcg de vitamina B2, 900 mg de potássio, 14,3 mg de selênio e 12 mg de colina.

Segue abaixo os 10 benefícios para quem faz uso do cacau na alimentação, selecionados pela Bio Mundo em parceria com a nutricionista Fernanda Larralde.

1 – Reduz a pressão sanguínea
O cacau pode ajudar a baixar a pressão arterial, pois afeta a produção de óxido nítrico, que está diretamente associado ao relaxamento dos vasos sanguíneos.

2 – Reduz a inflamação
Como o cacau é rico em antioxidantes, é capaz de reduzir os danos celulares causados pelos radicais livres e a inflamação. Além disso, alguns estudos mostram que o consumo de cacau reduz a quantidade de proteína C reativa no sangue, um indicador de inflamação.

3 – Reduz o risco de diabetes
Alguns estudos mostram que o cacau pode retardar a digestão de carboidratos no nível intestinal, além de proteger as células responsáveis pela produção de insulina no pâncreas e melhorar a secreção de insulina. Também pode reduzir a resistência à insulina, auxiliando na redução do risco de diabetes.

4 – Previne a demência
O cacau é rico em teobromina, um vasodilatador que promove o fluxo sanguíneo para o cérebro e ajuda a prevenir doenças neurológicas, como a demência e o Alzheimer. Além disso, o cacau é rico em selênio, mineral que ajuda a melhorar a cognição e a memória.

5 – Previne a anemia
O cacau é rico em ferro, que pode ajudar a prevenir a anemia. O ferro é necessário para formar a hemoglobina, componente dos glóbulos vermelhos que é responsável pelo transporte de oxigênio pelo corpo e costuma ser encontrado em quantidades menores quando há o diagnóstico de anemia.

6 – Previne a trombose
O cacau é rico em flavonoides, que melhoram a circulação sanguínea e reduzem o risco da formação de coágulos no sangue.

7 – Melhora o humor
O cacau ajuda a melhorar o humor e combater os sintomas da depressão e ansiedade, pois é rico em teobromina, cafeína, feniletilamina e tiramina, um precursor do triptofano, também precursor da serotonina, um neurotransmissor envolvido na regulação do humor, frequência cardíaca, sono e apetite.

8 – Ajuda a regular o colesterol
O cacau é rico em antioxidantes que ajudam a prevenir o depósito de gordura nos vasos sanguíneos, evitando a formação de placas ateroscleróticas e doenças cardiovasculares.

9 – Regula o intestino
O cacau é rico em flavonoides colônicos e catequinas, que podem aumentar o número de bifidobactérias e bactérias do ácido lático, que são bactérias boas e possuem efeito prebiótico e melhoram a função intestinal.

10 – Ajuda a controlar o peso
O cacau ajuda a reduzir a absorção e a síntese de gordura. Seu consumo aumenta a saciedade, pois eleva os níveis de insulina, mas esse benefício está associado principalmente ao chocolate amargo, não ao leite ou ao chocolate branco, que em sua composição têm maior teor de açúcar e gordura e muito pouco cacau.

0
0

Atualizado 08 abr 2024 - 18:31

Se você observou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, nos avise. Clique no botão ALGO ERRADO, vamos corrigi-la o mais breve possível. A equipe do EmDiaES agradece sua interação.

Comunicar erro

* Não é necessário adicionar o link da matéria, será enviado automaticamente.

A equipe do site EmDiaES agradece sua interação.