geral

Feira dos Municípios tem recorde de público e próxima edição já é confirmada para 2025

11 jun 2024 - 08:45

Redação Em Dia ES

Share
80 mil pessoas passaram pelo Pavilhão de Carapina. População pode conhecer a cultura, a história, a gastronomia e os potenciais econômicos dos 78 municípios do ES, reunidos em um só lugar
Feira dos Municípios tem recorde de público e próxima edição já é confirmada para 2025. Foto: Hélio Filho/Secom

Durante os quatro dias de realização da Feira dos Municípios de 2024, 80 mil pessoas passaram pelo Pavilhão de Carapina, na Serra. O número é 30% maior que a edição do ano passado. Entre a quinta-feira (06) e o domingo (09), a população teve acesso a uma vasta programação e pode conhecer a cultura, a história, a gastronomia e os potenciais econômicos dos 78 municípios do Espírito Santo, reunidos em um só lugar.

“O Governo do Estado monta toda essa estrutura para receber os municípios, mas se os municípios não vêm, não tem festa. Com todos os 78 municípios presentes na Feira, os capixabas e os visitantes podem desfrutar daquilo que o Espírito Santo tem de melhor, do que cada cidade tem de melhor. E nós seguiremos investindo forte em todos os municípios para que se desenvolvam cada vez mais e tenham mais riqueza para mostrar”, disse o governador Renato Casagrande, no domingo.

O governador esteve no evento durante três dias e visitou cada um dos estandes dos 78 municípios capixabas.

“Estivemos na quinta na abertura, na sexta, e ontem [sábado] tive que ir para outras regiões, mas hoje [domingo, 09] estou aqui de novo para poder confraternizar e comemorar com todos os presentes e a gente poder de fato sentir o orgulho de termos retomado este evento”, afirmou Casagrande.

A abertura da Feira, na quinta, já dava mostras de que o público seria maior do que no ano passado. Diversos grupos de estudantes se misturaram ao grande público ainda durante a tarde. À noite, os capixabas que saíram do trabalho foram conferir o que a organização montou e o que os 78 municípios capixabas levaram para mostrar.

Na sexta-feira não foi diferente, com um público ainda maior. E no sábado e domingo, já pela manhã, era possível ver as famílias chegando para visitar e conferir todas as atrações. Foram os dias com maior público.

Durante a premiação dos melhores estandes do evento, foi anunciada a data da feira em 2025: entre os dias 03 e 06 de abril.

“Finalizamos com a premiação dos municípios e regiões que tiveram destaque na feira. Isso é importante para se preparar para o ano que vem para virem novamente. Já temos uma data prevista para o ano que vem da nossa feira, que será no início de abril”, ressaltou o diretor-presidente da Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), Alberto Gavini.

O secretário de Estado do Turismo, Philipe Lemos, destacou o sucesso do evento: “A diversidade e criatividade demonstradas nos estandes evidenciaram nosso potencial turístico. As premiações por representatividade, criatividade e interatividade nas diferentes regiões turísticas reforçam a qualidade e o empenho de cada município. A edição deste ano demonstrou união, inovação e compromisso com o futuro do turismo capixaba. Estamos orgulhosos dos resultados alcançados”, declarou.

Divisão do espaço
A Feira estava dividida em cinco espaços. A minifazendinha, onde crianças e adultos puderam interagir com diversos animais. No espaço flores, produtores de norte a sul expuseram e venderam orquídeas, samambaias, cactos, suculentas entre outras plantas.

A praça de alimentação abrigava os dois maiores palcos, o Pocar e o Raízes, onde mais de 20 atrações musicais capixabas se apresentaram, além dos 12 restaurantes, 12 cervejarias, a área de vinhos e de drinks.

Na gastronomia, a Feira contava ainda com uma área externa, anexa ao parque de diversões, com comidas, doces e duas cervejarias. O parque era o espaço da criançada que se divertiu nos brinquedos infláveis, na roda gigante e no tradicional touro mecânico.

O quinto e último espaço, considerado a alma da Feira dos Municípios, reuniu os 78 municípios capixabas divididos entre as 10 regiões turísticas do Espírito Santo. E nos estandes, os visitantes puderam conhecer todo o potencial turístico, cultural e econômico de cada município, com direito a degustação.

Afonso Cláudio: município destaque
A cidade de Afonso Cláudio foi eleita como o município destaque desta edição, recebendo um carro zero km. A escolha foi baseada nos critérios de representatividade, criatividade e interatividade apresentados nos estandes.

Investimentos no Turismo: Região do Verde e das Águas
A Região do Verde e das Águas, composta pelos municípios de Aracruz, Conceição da Barra, Jaguaré, Linhares, Rio Bananal, São Mateus e Sooretama, foi premiada com um investimento de R$ 50 mil para o turismo. Este incentivo visa promover o desenvolvimento turístico, destacando as belezas naturais e culturais da região.

São Mateus: vencedor no Voto Popular
São Mateus conquistou o primeiro lugar na enquete popular “Qual município dos 78 te deu vontade de visitar/conhecer?”, evidenciando seu apelo turístico e cultural entre os visitantes da feira.

Sorteios e premiações
Além dos prêmios para os municípios, os visitantes também foram contemplados. Uma moradora da Serra ganhou uma bicicleta elétrica em um sorteio, atraindo ainda mais atenção para o evento e incentivando a participação popular.

Resultados por Regiões Turísticas
Os jurados avaliaram os municípios das dez Regiões Turísticas do Espírito Santo com base nos critérios de representatividade, criatividade e interatividade. Confira os vencedores:

Caminhos do Café, Pedras e Cachoeiras
Representatividade: Nova Venécia
Criatividade: Vila Pavão
Interatividade: Vila Pavão

Região Metropolitana
Representatividade: Cariacica
Criatividade: Vila Velha
Interatividade: Viana

Região do Verde e das Águas
Representatividade: São Mateus
Criatividade: Sooretama
Interatividade: Conceição da Barra

Montanhas Capixabas
Representatividade: Marechal Floriano
Criatividade: Afonso Cláudio
Interatividade: Afonso Cláudio

Doce Pontões Capixaba
Representatividade: Marilândi
Criatividade: Pancas
Interatividade: São Domingos do Norte

Doce Terra Morena
Representatividade: Montanha
Criatividade: Montanha
Interatividade: Montanha

Sul Capixaba dos Vales e Café
Representatividade: Muqui
Criatividade: Muqui
Interatividade: Atílio Vivacqua

Caparaó Capixaba
Representatividade: Iúna
Criatividade: Ibatiba
Interatividade: Alegre

Costa e Imigração
Representatividade: Rio Novo do Sul
Criatividade: Marataízes
Interatividade: Marataízes

Região dos Imigrantes
Representatividade: Santa Leopoldina
Criatividade: Santa Teresa
Interatividade: Santa Teresa

1
0

Atualizado 11 jun 2024 - 08:48

Se você observou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, nos avise. Clique no botão ALGO ERRADO, vamos corrigi-la o mais breve possível. A equipe do EmDiaES agradece sua interação.

Comunicar erro

* Não é necessário adicionar o link da matéria, será enviado automaticamente.

A equipe do site EmDiaES agradece sua interação.