geral

Após criança morrer com choque em pisca-pisca, veja dicas para evitar acidentes no Natal

05 dez 2023 - 16:17

Redação Em Dia ES

Share
Para impedir que situações como essa ocorram, é necessário seguir algumas orientações simples na hora de escolher e de montar os enfeites natalinos
Após criança morrer com choque em pisca-pisca, veja dicas para evitar acidentes no Natal. Foto: Pexels

Nesta época do ano, muitas famílias se mobilizam para decorar suas casas com enfeites e luzes de Natal. No entanto, é fundamental tomar cuidados básicos para evitar acidentes e até mesmo tragédias, em uma época que era para ser de comemoração.

Na semana passada, um menino de 10 anos morreu, no Paraná, após ser eletrocutado por um pisca-pisca de Natal. Augusto Dalmaz Bonato foi encontrado pelos familiares caído ao lado dos enfeites. O Samu foi acionado e o menino chegou a ser internado na UTI, mas não resistiu.

Para evitar que situações como essa ocorram, é necessário seguir algumas dicas simples, mas que fazem toda a diferença na segurança da família.

A porta-voz do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo, capitão Andresa, destaca que o primeiro cuidado que a pessoa deve ter é na hora de comprar os enfeites natalinos, que devem ser de boa qualidade.

“É preciso comprar produtos que tenham alguma certificação, o que demonstra que eles passaram por testes. Seja o selo do Inmetro ou o selo de algum outro país”, orientou.

Após comprar produtos confiáveis, o consumidor agora precisa se atentar à forma como vai instalar esses enfeites, especialmente os elétricos, como as luzinhas natalinas. Já para quem prefere reaproveitar enfeites de outros natais, os cuidados devem ser redobrados.

“Cuidado com os enfeites antigos, guardados há muito tempo, com os fios ressecados, expostos, que eles podem acabar provocando choques elétricos. Também a gente nunca deve sobrecarregar tomadas. Tem muitas pessoas que encaixam vários enfeites com uso de três, benjamins. Isso acaba sobrecarregando, pode derreter o fio, e quando o fio derrete, com um curto circuito, a gente tem o início do incêndio”, alertou.

A EDP, concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica no Espírito Santo, também divulgou dicas importantes com relação à instalação dos enfeites conectados à eletricidade.

A empresa destaca que dados da Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade (Abracopel) apontam que a maioria dos incêndios de origem elétrica (49,7%) acontece nas residências, sendo que algumas das causas são superaquecimento de condutores elétricos mal dimensionados e as falhas no isolamento de condutores elétricos.

Por isso, segundo a concessionária, o ideal é que a pessoa escolha itens de qualidade comprovada, para garantir o melhor isolamento elétrico possível. Em vez do “T” (benjamim), uma opção para ampliar as conexões é usar um filtro de linha (régua) certificado e com a devida proteção contra sobrecargas.

Em relação aos pisca-piscas, a dica da EDP é investir naqueles com lâmpadas de LED, mais econômicas, eficientes, duráveis e, em função disso, ecologicamente corretas.

Já para as instalações em áreas externas, sujeitas a chuvas ou alagamentos, a empresa indica que os enfeites devem ser impermeáveis, pois são mais seguros e duram mais.

A EDP destaca ainda que quanto maior a potência dos equipamentos adquiridos, maior será o consumo de energia. Por isso, a dica é buscar uma avaliação da carga a ser empregada, utilizar tomadas exclusivas para equipamentos mais potentes e evitar deixar ligadas as luzes/decorações natalinas por longos períodos.

Cuidados na montagem da árvore de natal
Os cuidados com relação à decoração natalina, no entanto, não devem ficar restritos apenas à questão da eletricidade. Objetos muito pequenos, geralmente usados em árvores de natal, também podem ser um risco, especialmente para crianças.

“Com os objetos muito pequenos, a gente tem que ter um cuidado especial com crianças, que têm essa fase oral de colocar tudo na boca. Pode ser que ela engasgue com esse tipo de objeto pequeno. Então é importante colocar essa árvore longe do alcance de crianças, com esses objetos pequenos”, orientou a capitão Andresa.

Mas para colocar esses objetos no alto, longe do alcance das crianças, o adulto também precisa se precaver, para a montagem dos enfeites não termine em acidente.

“Uma atenção especial é quando for colocar enfeites em locais elevados. Então é importante usar escadas adequadas e pedir outra pessoa para ficar ali no apoio da escada, para evitar possíveis quedas”, destacou a porta-voz do Corpo de Bombeiros.

Outras dicas para curtir o Natal de forma segura:
– Procure a orientação de um eletricista caso queira caprichar na decoração deste ano. Esse profissional poderá avaliar o que pode ou não ser ligado;

– Muitas árvores de Natal são feitas de arame e, por ser altamente condutor de energia, esse material deve estar bem isolado para impedir energização acidental;

– Passar fios por baixo de tapetes ou por trás de cortinas aumenta o risco de acidentes e até incêndios;

– Durante a montagem da decoração, execute os trabalhos com os aparelhos desenergizados, piso seco e utilizando calçado;

– Jamais toque na iluminação natalina se estiver descalço, ou com os pés ou mãos molhadas;

– No caso da instalação externa, verifique a distância da rede de distribuição da concessionária;

– Para a decoração externa, é necessário investir em equipamentos protegidos para evitar acidentes durante chuvas e ventos;

– Em caso de falta de energia, verifique primeiro o quadro interno de disjuntores antes de entrar em contato com a Distribuidora.

0
0

Atualizado 10 dez 2023 - 23:00

Se você observou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, nos avise. Clique no botão ALGO ERRADO, vamos corrigi-la o mais breve possível. A equipe do EmDiaES agradece sua interação.

Comunicar erro

* Não é necessário adicionar o link da matéria, será enviado automaticamente.

A equipe do site EmDiaES agradece sua interação.