economia

INSS começa a pagar nesta sexta o décimo terceiro antecipado

24 maio 2024 - 07:33

Redação Em Dia ES

Com Agência Brasil

Share
Até 7 de junho, mais de 33,6 milhões de segurados receberão 2ª parcela
O decreto com a antecipação do décimo terceiro foi assinado em março. Foto: José Cruz/Agência Brasil

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começam a receber nesta sexta-feira (24) a segunda parcela do décimo terceiro. Até 7 de junho, mais de 33,6 milhões de segurados receberão o dinheiro, que será pago conforme o dígito final do Número de Inscrição Social (NIS).

O pagamento da segunda parcela começa pelos segurados que ganham o salário mínimo. Quem recebe mais que o mínimo começa a receber em 3 de junho.

O extrato com os valores e as datas de pagamento do décimo terceiro está disponível desde abril. A consulta pode ser feita tanto pelo aplicativo Meu INSS, disponível para celulares e tablets, como pelo site gov.br/meuinss.

Confira o calendário de pagamentos completo:

Pagamento da segunda parcela do 13º do INSS

Até um salário mínimo
Final do NIS 1 – 24/05
Final do NIS 2 – 27/05
Final do NIS 3 – 28/05
Final do NIS 4 – 29/05
Final do NIS 5 – 31/05
Final do NIS 6 – 03/06
Final do NIS 7 – 04/06
Final do NIS 8 – 05/06
Final do NIS 9 – 06/06
Final do NIS 0 – 07/06

Acima de um salário mínimo
Finais 1 e 6 – 03/06
Finais 2 e 7 – 04/06
Finais 3 e 8 – 05/06
Finais 4 e 9 – 06/06
Finais 5 e 0 – 07/06

O decreto com a antecipação do décimo terceiro foi assinado em março. Este é o quinto ano seguido em que os segurados do INSS recebem o décimo terceiro antes das datas tradicionais, em agosto e em dezembro. Em 2020 e 2021, o pagamento ocorreu mais cedo por causa da pandemia de covid-19. Em 2022 e 2023, as parcelas foram pagas em maio e junho.

Segundo o Ministério da Previdência, o pagamento do décimo terceiro antecipa a injeção de R$ 67,6 bilhões na economia. Desse total, R$ 33,92 bilhões correspondem à segunda parcela, referente à competência de maio e que será paga entre o fim deste mês e o início de junho. O restante corresponde à primeira parcela, da competência de abril, paga no fim de abril e início de maio.

A maioria dos aposentados e pensionistas receberá 50% do décimo terceiro na segunda parcela. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro e terá o valor calculado proporcionalmente.

O Ministério da Previdência esclarece que os segurados que recebem benefício por incapacidade temporária (antigo auxílio-doença) também têm direito a uma parcela menor do décimo terceiro, calculada de acordo com a duração do benefício. Por lei, os segurados que recebem benefícios assistenciais, como o Bolsa Família, não têm direito a décimo terceiro salário.

0
0

Atualizado 28 maio 2024 - 10:52

Se você observou alguma informação incorreta em nosso conteúdo, nos avise. Clique no botão ALGO ERRADO, vamos corrigi-la o mais breve possível. A equipe do EmDiaES agradece sua interação.

Comunicar erro

* Não é necessário adicionar o link da matéria, será enviado automaticamente.

A equipe do site EmDiaES agradece sua interação.